Guarantã/SP elege mais mulheres do que homens para Câmara de Vereadores

Guarantã/SP elege mais mulheres do que homens para Câmara de Vereadores

Guarantã/SP elege mais mulheres do que homens para Câmara de Vereadores

Guarantã/SP elege mais mulheres do que homens para Câmara de Vereadores

Os eleitores de Guarantã (SP) elegeram pela primeira vez cinco vereadoras nas eleições municipais do último domingo (15). Com as novas eleitas, o legislativo, que tem nove cadeiras de vereadores, passa a ser formado pela maioria de mulheres.

Uma delas é a vereadora Cristina Vilarrubia, do Patriota, que foi a candidata mais votada e volta a ser vereadora na cidade depois de 4 anos.

  • Na cidade com menor população de SP, vereador é eleito com 29 votos
  • Bariri elege a primeira vereadora trans na história da Câmara

Além dela, que recebeu 308 votos, as candidatas Giovana Araujo (Avante); Cristiane Jerônimo (DEM); Kátia Berthelli (Avante) e Érica Inoue (PSL) também vão compor o legislativo na próxima gestão (veja a lista completa dos eleitos abaixo).

câmara majoritariamente feminina é um fato inédito na cidade que tem 5.195 eleitores. Na atual legislatura não há nenhuma mulher. Na anterior, eram duas mulheres.

“Nunca teve mais que duas e cidades vizinhas também nunca tiveram vereadoras eleitas e agora para o próximo mandato são cinco. Isso foi surpreendente, nós colocamos mulheres, sempre mais companheiras, todas mães, todas pé no chão”, afirma Cristina.

Para a vereadora mais votada, a ampliação da participação das mulheres vai fazer a diferença na cidade.

“Somos mulheres guerreiras, é maravilhoso a mulher poder mostrar que não existe diferença entre homem e mulher para ser representante do povo”, diz Cristina Vilarrubia.

A votação na cidade teve abstenção de 20,02% (1.040 votos) do eleitorado, além de 1,88% (78 votos) de votos em branco e 3,10% (129)de nulos.

Em Bauru, maior cidade do centro-oeste paulista, entre os 17 vereadores eleitos apenas 3 são mulheres, duas delas foram reeleitas e a terceira já foi vice-prefeita.

Confira como fica a composição da Câmara em Guarantã para o mandato 2021 a 2024:

  • Cristina Vilarrubia (PATRIOTA) – 308 votos
  • Gomã da Ambulância (PP) – 186 votos
  • Fietinho da Ambulância (MDB) – 143 votos
  • Giovana Araujo (AVANTE) – 122 votos
  • Irmão Marquinho (PATRIOTA) – 109 votos
  • Cristiane Jerônimo (DEM) – 91 votos
  • Marques (PT) – 90 votos
  • Katia Berthelli (AVANTE) – 72 votos
  • Érica Inoue (PSL) – 63 votos

Mulheres eleitas

No país, entre as capitais que tiveram prefeitos eleitos no primeiro turno em apenas 12% foram eleitas mulheres para comandar o executivo. Entre os vereadores, todas as capitais elegeram mulheres entre os parlamentares.

A maior representatividade está em Porto Alegre, onde 11 das 36 vagas serão ocupadas por mulheres (30,55%). Além disso, em seis capitais, as mulheres ficaram em primeiro lugar entre os vereadores eleitos.

Mapa das mulheres nas Câmaras Municipais — Foto: Guilherme Luiz Pinheiro/G1

Mapa das mulheres nas Câmaras Municipais — Foto: Guilherme Luiz Pinheiro/G1

A capital São Paulo ficou em 4º lugar, com 23,63%, com 13 das 55 vagas ocupadas pelo sexo feminino. Em 2016, 11 vereadoras haviam sido eleitas.

A lei eleitoral estabelece que 30% dos candidatos de cada partido seja de mulheres. Nesse ano, segundo levantamento feito pelo G1 com base nas atas das convenções partidárias mostra que, a cada 10 candidatos a vereador nas 26 capitais do país, apenas 3 eram mulheres.

 fonte:https://g1.globo.com/sp/bauru-marilia/eleicoes/

Share This:

uvbbrasil


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Themetf